Medalhas de saudade

Passa das três da tarde. O cirurgião pediátrico senta-se. Repara numa mancha vermelha nas calças… Sangue? O cirurgião pediátrico passeou a manhã toda pelo hospital com ar de talhante?

Analisa em mais detalhe…

Ah! Doce de morango. O cirurgião pediátrico recorda o abraço de despedida do ‘mais velho’, nessa manhã. Um abraço apertado com mãos e boca besuntadas de doce de morango. As saudades…

Quem já levou destas medalhas para o trabalho? (Sim, porque são medalhas de bons pais/boas Mães e que deveriam dar algum tipo de prémio laboral.)

João Moreira Pinto

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *